segunda-feira, 6 de abril de 2015

Jesus pagou ao diabo a dívida pelo nosso pecado?

É comum demais ouvir nos círculos pentecostais pregadores empolgados fazerem esse tipo de afirmação: "irmão, Jesus perguntou ao diabo: qual a dívida de fulano, satanás? Eu pago! Pago com o preço do meu sangue". E a igreja? Ah! A igreja vai ao delírio... Entretanto, para infelicidade dos animadores de auditório - confundidos as vezes com pregadores do Evangelho - afirmo categoricamente que esta é mais uma "estória pra boi dormir"! E não me importa que "grande pregador" já tenha usado essa estorinha para alegrar os irmãos, É UMA MENTIRA! UM ENGANO! UM EQUÍVOCO TERRÍVEL. E vou dizer o porquê em rápidas palavras:

A dívida do pecado NUNCA FOI uma dívida com o diabo! O homem, mesmo o mais desgraçado dos pecadores, NADA DEVE AO DIABO! O pecado é ofensa contra Deus, é transgressão às leis de Deus, é errar o alvo proposto por Deus (Jr 33.8)! Portanto, somos devedores daquele a quem ofendemos, aquele cujas leis nós infringimos. O homem pelo pecado acumulou imensurável dívida COM DEUS, sendo digno de morte por isso (Rm 6.23)! O pecado nos transformou em inimigos de Deus e atraiu para nós como um poderoso ímã a terrível ira do Todo-Poderoso. Somente o sacrifício do Inocente, do Justo, do verdadeiro Filho unigênito do Pai é que poderia aplacar tamanha ira, riscar a dívida de morte que tínhamos com Deus (Cl 2.14), e nos reconciliar com o SENHOR (Rm 5.1; Cl 1.20-21)! E foi isso que Jesus fez!

Jesus pagou ao Pai, cuja santidade não tolera o pecado, o preço pela nossa salvação! A DEUS, não ao diabo! Jesus nunca barganhou, nunca comercializou, nunca vendou ou comprou ao diabo a alma de ninguém! Aliás, o próprio Jesus disse que ele nada tem com satanás, o príncipe deste mundo! (João 14.30). QUE CONCÓRDIA HÁ ENTRE CRISTO E BELIAL? Perguntaria Paulo aos animadores de auditório que ocupam nossos púlpitos e nos enfadam com suas tolices! (2Co 6.15). E mais: a quem Jesus nos ensinou a orar pedindo perdão pelas nossas dívidas? Ao Pai ou ao diabo? "Pai nosso, que estás nos céus (...) perdoa-nos as nossas dívidas" (Mateus 6.9,12). Vamos ler a Bíblia, meus irmãos! Mais Bíblia e menos invencionice! Invenção causa animação, mas só a Palavra de Deus provoca edificação e transformação! (extraído)

Um comentário:

Wellington Soares disse...

A graça e a paz. Recentemente estou lendo o livro Fogo Estranho, de John MacArthur, que denuncia o movimento pentecostal e carismático. Estou tentando me libertar desse movimento "estranho". Já nem estou indo na Assembléia de Deus e nem nas igrejas "carismáticas". Agradeço a Deus pela sua vida.

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!
[Identifique-se com o seu nome e e-mail]

Siga por Email

Assine O Bereano

Seguidores